meus amores

quinta-feira, 5 de maio de 2011

Não pense duas vezes ...



A felicidade é um susto. Chega na calada da noite, na fala do dia, no improviso das horas. Chega sem chegar, insinua mais que propõe... Felicidade é animal arisco. Tem que ser adimirada à distância porque não aceita a jaula que preparamos para ela. Vê-la solta e livre no campo, correndo com sua velocidade tão elegante é uma sublime forma de possuí-la.
Felicidade é chuva que cai na madrugada, quando dormimos. O que vemos é a terra agradecida, pronta para fecundar o que nela está sepultado, aguardando a hora da ressurreição.
Felicidade é coisa que não tem nome. É silêncio que perpassa os dias tornando-os mais belos e falantes. Felicidade é carinho de mãe em situação de desespero. É olhar de amigo em horas de abandono. É fala calmante em instantes de desconsolo.
Felicidade é palavra pouca que diz muito. É frase dita na hora certa e que vale por livros inteiros.
Eu busco a frase de cada dia, o poema que me espera na esquina, o recado de Deus escrito na minha geladeira... Eu vivo assim... Sem doma, sem dona, sem porteiras, porque a felicidade é meu destino de honra, meu brasão e minha bandeira. Eu quero a felicidade de toda hora. Não quero o rancor, não quero o alarde dos artifícios das palavras comuns, nem tampouco o amor que deseja aprisionar meu sonho em suas gaiolas tão mesquinhas.
O que quero é o olhar de Jesus refletido no olhar de quem amo. Isso sim é felicidade sem medidas. O café quente na tarde fria, a conversa tão cheia de humor, o choro vez em quando.
Felicidades pequenas... O olhar da criança que me acompanha do colo da mãe, e que depois, à distância ,sorri segura, porque sabe que eu não a levarei de seu lugar preferido.
A felicidade é coisa sem jeito, mas com ela eu me ajeito. Não forço para que seja como quero, apenas acolho sua chegada, quando menos espero.
E então sorrio, como quem sabe,que quando ela chega, o melhor é não dispersar as forças... E aí sou feliz por inteiro na pequena parte que me cabe.
O que hoje você tem diante dos olhos? Merece um sorriso? Não pense duas vezes...

(Pe Fábio de Melo)

8 comentários:

Will disse...

Você tem uma sabedoria incrível, me curvo diante dela.

Abç

Simone Martins2 disse...

Boa noite, e na calada da noite, receber um comentario feliz de uma seguidora que, ja estava prester a ir dormir, é felicidade pura, nos mostra que sempre temos algo de bom chamando por alguem em algum lugar, vim aqui e senti felicidade quando seu texto li...Gosto de ler sobre felicidade, amor, saudade, enfim, obrigada, agora vou dormir feliz após ter deixado aqui um elogio pra ti...Dorme agora que a felicidade esta neste momento no descanso de teu corpo...durma com os anjos e sonhe comigo...Bjin

Mariz disse...

A felicidade chega de mansinho nos pequenos momentos da vida, qdo nossos lábios se deixam sorrir...linda mensagem.

Obrigada pelo carinho, querida!

beijos...Mariz

Simone Martins2 disse...

Boa noite, fui contaminada pelo virus da felicidade quando entrei em teu blog., tive que retornar para ver se existia um antidoto, porem, varios outros virus me pegaram e agora, terei que vir sempre aqui, na busca de novos antidotos...Agora te segui, ainda nao estava, pois o virus me impediu de entrar, agora que entrei, irei sempre aqui estar...bjin e, UM FELIZ DIA DAS MÃES!!

Vivian disse...

Bom dia,Zina!!

Que belo texto!!A felicidade está sempre conosco...esperando que à percebamos...
Vamos sorrir!!!
Beijos minha amiga!!
**Obrigada pelo carinho no meu blog novo!!
Feliz dia das mães!!

Zé Carlos disse...

Zina vc é um amor de menina.
Um maravilhoso final de semana para ti.

Beijão do Zé Carlos

Zil Mar disse...

Oi Zina...

que lindo texto.....

vamos sorrir...pq com certeza motivos não faltam...não é querida????

FELIZ DIA DAS MÃES!!!!!!!

bjo grande pessoa de alma grande!!!!!

Zil

Malu disse...

Passando para deixar um grande Dia das Mães...
Que o Domingo nasça em FLOR...
Abraços